Notícias

Ecobarreiras vão retirar um caminhão de lixo por dia da Guarapiranga

 27/12/2011 às 16:30


O Governo de São Paulo, por meio da Sabesp, deu início nesta terça-feira, 27/12, às operações da “Nossa Guarapiranga – Programa de Proteção e Limpeza do Reservatório Guarapiranga”, um conjunto de ações realizadas para garantir a preservação da represa. Uma das principais iniciativas é a implantação das Ecobarreiras, redes compostas por boias e uma tela submersa que foram instaladas nas saídas de 11 córregos que deságuam na barragem. A estrutura permitirá que o lixo jogado no córrego não seja carreado para a Guarapiranga.

A iniciativa é desenvolvida em parceria com a Prefeitura de São Paulo, organizações sociais e clubes da região.


Todos os resíduos retidos nas Ecobarreiras serão recolhidos por 10 botes e, na sequência, encaminhados para um barco, que levará o lixo até contêineres na margem. Por fim, o material segue para um aterro sanitário. A meta é retirar uma média de 20m³ de lixo por dia das águas da barragem, material equivalente a quatro caçambas ou um caminhão.

 

A medida é muito importante principalmente durante o verão, época chuvosa em que o volume de água nos córregos aumenta e, com ela, mais lixo chega à barragem. Os benefícios alcançarão diretamente 1 milhão de pessoas que moram no entorno da Guarapiranga e outros 2 milhões que são abastecidas pelo manancial.

Além das Ecobarreiras, o investimento de R$ 12,2 milhões previsto pelo programa inclui o plantio de mil mudas de vegetação nativa em ilhas e às margens da represa, o que melhora o visual e evita a erosão no manancial.



Também entrará em operação um barco de grande porte que irá coletar o lixo que estiver a até seis metros de profundidade. A Sabesp está adquirindo uma segunda embarcação, que cuidará da retirada das macrófitas (algas), cujo crescimento excessivo entope as grades de captação de água, atrapalhando o abastecimento público e gerando transtornos para os que usam a represa para outros fins.

 

Nossa Guarapiranga: garantindo a qualidade da água

O programa Nossa Guarapiranga é mais um marco no processo de recuperação do reservatório e tem como objetivo melhorar as condições ambientais da represa, garantir fornecimento de água de qualidade à Região Metropolitana de São Paulo e assegurar boas condições para o lazer e para a prática de esportes náuticos.

O Nossa Guarapiranga integra uma série de iniciativas do Governo do Estado de São Paulo que visam a melhorar as condições de rios, córregos e mananciais da Região Metropolitana. Entre elas se destacam o Projeto Tietê, que amplia a coleta e tratamento de esgoto em toda a Grande São Paulo; o Córrego Limpo, que já despoluiu seis cursos d’água na região da Guarapiranga com o encaminhamento do esgoto para tratamento; o Vida Nova/Mananciais, que recupera e protege as represas que abastecem a Região Metropolitana de São Paulo; o Orla Guarapiranga, que cria parques e praças às margens do reservatório, abrindo áreas de lazer e impedindo a ocupação irregular; e a instalação de parques ao longo de todo o trajeto do Rodoanel Sul.

É importante salientar que é responsabilidade de todo cidadão contribuir para a redução de lixo. Os resíduos que chegam aos córregos e posteriormente à represa vêm das ruas. Ao jogar papel, plástico ou bituca de cigarro na rua, esse material é arrastado pela água da chuva para as galerias de águas pluviais, que deságuam nos córregos. Consequentemente, essa sujeira vai parar na represa.
 

Veja mais fotos no Flickr da Sabesp

Este conteúdo te ajudou?
5 1
Compartilhe Imprima

Buscar em Noticias


Por data: de:   dd/mm/aaaa

até:  dd/mm/aaaa

Sabesp na sua região

Digite o nome do município onde você mora e conheça o trabalho que a Sabesp faz nessa região.