Notícias

Sabesp realiza vistorias técnicas de obras de saneamento em Botucatu

 21/01/2022 às 13:00

Visita às obras de saneamento básico em Botucatu

Na última quinta-feira, 20, a Sabesp de Botucatu recebeu a Diretoria de Sistemas Regionais da empresa para realizar visitas técnicas a dois empreendimentos da Companhia no município. Acompanharam as visitas Monica Porto, diretora de Sistemas Regionais da Sabesp, Maurício Tápia, superintendente da Sabesp no Médio Tietê, Mário Pardini, prefeito municipal de Botucatu, Rodrigo “Palhinha” Rodrigues, presidente da Câmara de Botucatu, além de gerentes da Sabesp e vereadores do município.

Na parte da manhã, a visita foi às obras na Barragem de Acumulação do Rio Pardo, que foram iniciadas em 2019 e que será o maior empreendimento em segurança hídrica do município. O investimento é de mais de R$ 56 milhões, e a previsão de término da obra física é para março de 2023, com início da operação em setembro do mesmo ano. 

O empreendimento vem cumprindo com o cronograma e está em fase avançada de execução. Após a conclusão das barragens de terra e fundação de concreto, atualmente está na etapa da construção da bacia de dissipação e na pré-execução da barragem em concreto e do vertedouro. Além das obras da represa propriamente, também está sendo realizado o plantio de mudas de árvores nativas, como parte da revitalização da área.

“Essa obra vai dar segurança hídrica a Botucatu para as próximas décadas. Estamos todos empenhados na Sabesp na execução e entrega do empreendimento. Em períodos como o que vivemos nos últimos meses, de secas prolongadas, a barragem vai cumprir o importante papel de reservar água para os momentos de dificuldade”, afirmou a diretora Monica Porto.

Dando continuidade à programação, a visita seguinte foi à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) localizada na Fazenda Lageado. Lá, a diretoria pôde conhecer o processo de coleta, tratamento e aproveitamento dos resíduos como uma das inovações da Companhia. Ao lado da ETE, está localizada a Usina de Biossecagem de lodo – principal resíduo gerado no tratamento de esgoto – e, com parceria com a Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA/Unesp), o produto compostado vai para a análise e, quando aprovado, torna-se fertilizante usado pela faculdade para desenvolvimento de culturas e pesquisas agrícolas.

“Esta visita da Diretoria Regional a Botucatu foi importante para apresentarmos o trabalho desenvolvido pela Sabesp. A segurança hídrica que a Barragem trará ao município e ao reaproveitamento do lodo proveniente do tratamento de esgoto são empreendimentos que mostram as prioridades da empresa com nossos clientes, que é oferecer água com regularidade e qualidade, além de promover o desenvolvimento sustentável e a preservação do meio ambiente”, completou o superintendente da Sabesp no Médio Tietê, Maurício Tápia.

Este conteúdo te ajudou?
0 0
Compartilhe Imprima

Buscar em Noticias


Por data: de:   dd/mm/aaaa

até:  dd/mm/aaaa

Sabesp na sua região

Digite o nome do município onde você mora e conheça o trabalho que a Sabesp faz nessa região.

Simuldor de consumo