Notícias

Sabesp aprimora o abastecimento de água para quase 900 mil pessoas na zona sul de São Paulo

 02/12/2014 às 16:00

Com investimento total de R$ 75,8 milhões, a Sabesp inaugurou nesta terça-feira, 2 de dezembro, um importante conjunto de obras que consiste no novo setor de abastecimento Capão Redondo e ampliação da capacidade de reservação do Jardim Ângela, melhorando o fornecimento para 890 mil moradores da zona sul de São Paulo. O novo setor Capão Redondo vai garantir a oferta de água para cerca de 480 mil pessoas da região do Campo Limpo, Capão Redondo, Jardim São Luiz e Parque Fernanda. Já na região do Jardim Ângela, Chácara Santa Maria, Alto da Riviera e Jardim Capela cerca de 410 mil moradores serão beneficiados com um novo reservatório de água.

“Todas as obras são extremamente significativas. Não existe saúde sem saneamento básico e no dia de hoje o IBGE divulgou os novos índices de expectativa de vida e mortalidade infantil no Brasil. A expectativa de vida média em São Paulo cresceu de 65,9 para 77,2. Isso se deve muito à saúde e qualidade de vida e não existe saúde sem saneamento básico”, afirmou o governador Geraldo Alckmin. 

Novo setor de abastecimento Capão Redondo

Com investimentos em torno de R$ 68,5 milhões, a Sabesp entregou as obras de um novo setor de abastecimento, denominado Capão Redondo. Essa extensa área foi delimitada e recebeu nova infraestrutura de modo a otimizar a condição do abastecimento nas áreas mais altas e distantes dos reservatórios, além de garantir um melhor gerenciamento na distribuição e forte controle das perdas de água.

As obras incluem um reservatório metálico com capacidade para 15 milhões de litros e 4,2 km de adutora. Ainda foram executadas 2,5 km de redes de distribuição e instaladas 14 válvulas redutoras de pressão, como parte do Programa de Redução de Perdas de Água.

Também foi construída a Estação Elevatória Capão Redondo, que enviará a água até as zonas mais altas dos bairros, e feitas adequações nas instalações da Estação Elevatória Jardim São Luiz, já existente. Outras intervenções foram a substituição preventiva de 2 mil ramais de água e pesquisa de vazamento em 2 mil km de redes, o que equivale à distância entre São Paulo e Santiago, no Chile.
Desta forma, cerca de 480 mil pessoas da região do Campo Limpo, Capão Redondo, Jardim São Luiz e Parque Fernanda serão beneficiadas com a maior oferta de água.

Além disso, para conscientizar a população sobre o uso racional da água e incentivar a regularização de ligações em áreas de baixa renda, a Sabesp realizou palestras, oficinas, eventos culturais e atividades em escolas. Algumas residências também receberam a instalação de equipamentos economizadores de água, como novas torneiras e caixas de descarga, sem custo nenhum para os moradores. Nesses imóveis, haverá um acompanhamento do consumo, com o objetivo de elaborar um estudo de consumo.

Ampliação do reservatório Jardim Ângela
 

Ampliação de sistemas na zona sul

A Sabesp duplicou a capacidade de reservação do setor Jardim Ângela. A região, que já contava com um reservatório de 10 milhões de litros de capacidade, agora terá mais um centro de revervação também de 10 milhões de litros. Dessa forma, o fornecimento de água terá melhor regularidade e disponibilidade a toda população da região.

Com o novo reservatório, aproximadamente 410 mil pessoas dos bairros Jardim Ângela, Jardim Capela, Chácara Santa Maria e Alto da Riviera, na Zona Sul da capital paulista, serão beneficiadas.
Para a construção do novo reservatório foram investidos cerca de R$ 7,3 milhões.

Este conteúdo te ajudou?
3 3
Compartilhe Imprima

Buscar em Noticias


Por data: de:   dd/mm/aaaa

até:  dd/mm/aaaa

Sabesp na sua região

Digite o nome do município onde você mora e conheça o trabalho que a Sabesp faz nessa região.

Simuldor de consumo